O padrasto de uma adolescente de 11 anos foi acusado por familiares da vítima por tentativa de estupro. O caso teria ocorrido na noite de sábado (3), na residência da família, no bairro Salto de São José.

A mãe, a tia e a cunhada estavam com a vítima em um dos cômodos, quando a jovem resolveu ir até seu quarto, onde teria sido abusada. Após o padrasto deixar a residência ela teria contado à cunhada e à tia que o autor havia a agarrado por trás e disse que iria jogá-la na cama. O autor teria ouvido movimentações próxima ao quarto e, assustado, teria deixado o local e, ainda, apressado a mãe da jovem a saírem da residência para um compromisso em outra cidade.

Após relatar o fato, a jovem passou mal e os familiares entraram em contato com o irmão dela que trouxe a vítima até sua residência. Ao tomar conhecimento do fato, a mãe da vítima disse que a atitude do padrasto era apenas uma ‘brincadeira’. Ela ainda teria pedido aos familiares para não contar o caso para ninguém.

Segundo a cunhada da vítima, essa não teria sido a primeira vez que a jovem disse ter sido abusada pelo padrasto.